receita

Luís Martins

"Eu nunca fui muito amigo de exercício, e sempre vivi com obesidade mórbida desde criança, logo, não gostava de educação física."

Eu nunca fui muito amigo de exercício, e sempre vivi com obesidade mórbida desde criança, logo, não gostava de educação física.
Em 2004, com 162 kg, após uma consulta com o médico que me alertou para os perigos provenientes da obesidade, decidi mudar de hábitos alimentares, ao longo de 1 ano perdi 30 kg apenas com uma alimentação mais saudável. Em 2005 foi altura de abraçar o exercício físico para complementar o processo que estava a passar, foi nesse ano que descobri como o exercício pode ser prazeroso e comecei a gostar de treinar, na altura tive ajuda de um Personal Trainer que me ensinou muito sobre o ginásio. Como gostei tanto do conceito de exercício para a saúde, abracei uma carreira profissional na área após perder um total de 70 kg ingressei num curso técnico de instrutor de fitness, e em 2007 abracei a profissão de personal trainer numa conhecida cadeia de ginásios health clubs com 92 kg na altura . Infelizmente ainda em 2007, uma situação pessoal fez-me regredir, e apesar de ser profissional na área, os problemas de auto-estima afetaram-me ao ponto de voltar a engordar, não só pelo constrangimento de ir ao ginásio e ser visto, como também não tive coragem de continuar com a profissão que tanto adorava.
Até ao final de 2008 engordei mais 90 kg, chegando a atingir o máximo registado de 182 kg.
Os anos foram passando e a depressão foi progredindo, chegando mesmo a ficar de baixa psicológica com medicamentos. Após um evento catastrófico na minha vida, procurei ajuda profissional para evitar mais auto-destruição. Foi então que consegui com ajuda de uma psicóloga voltar a fazer planos para a minha vida. Na altura era complicado voltar a treinar, pois sentia-me constrangido ser o único obeso mórbido no meio de tanta gente bem treinada a frequentar o ginásio. Foi então que a minha psicóloga me aconselhou a contratar um personal trainer, e foi a melhor escolha que fiz na vida. Com a ajuda da minha psicóloga e o meu personal trainer, e acompanhamento do Hospital, consegui fazer uma perda de peso onde atingi o meu melhor resultado entre Agosto de 2012 e outubro de 2013 uma perda total de 88 kg. Claro que fiz bypass gástrico em Novembro de 2012 mas de Agosto a Novembro, com alimentação e exercício passei de 182,7 kg para 160,4 kg (peso com o qual fui operado). Após um mês e meio de convalescença da cirurgia voltei a treinar e em Outubro de 2013 pude ingressar na licenciatura em Educação Física e desporto na universidade. Após 3 anos conclui a mesma tendo ficado disponível para voltar a ser personal trainer, profissão que eu tanto desejava.
Ja em 2016 reiniciei a minha atividade como personal trainer, tendo frequentado após este ano várias pós graduações para aumentar o meu grau de conhecimento. E hoje em dia com 84 kg sou um Personal Trainer e Group Trainer feliz com a minha profissão e muito motivado para ajudar pessoas que estejam a passar pelas mesmas questões que me assombraram no passado. Hoje em dia posso dizer que o Fitness me tornou uma pessoa plena e mais feliz no geral. Em 2018 após cirurgia de remoção de pele em excesso no abdómen, olho para o futuro com esperança de vir a ter um corpo saudável e que aprecio, e continuar a apoiar os meus alunos nos seus processos.

testemunho